Pitbull evita estupro

13/09/2008

Jornal Hoje em Dia, Sábado, 13/09/08


PITBULL SALVA DE ESTUPRO MENINA DE 11 ANOS

Um cachorro da raça Pitbull evitou que uma menina de 11 anos fosse estuprada por dois homens no final da tarde de ontem, em uma casa na Rua Sílvio Guedes, no Bairro Palmeiras, ne região Oeste de Belo Horizonte. Os dois agressores foram presos em flagrante pela Polícia Militar. A menina contou que estava sozinha em casa, trocando de roupa, quando percebeu que dois homens a observavam pela janela. Sua casa fica em um nível mais baixo que a rua e com a porta aberta, os suspeitos puderam observá-la. Quando percebeu a presença dos suspeitos, ela correu para fechar a porta, foi quando os dois invadiram a casa e a dominaram. Ao tentar tirar sua roupa à força, ela gritou e seus avós, que moram em uma casa nos fundos, soltaram o Pitbull. O cão atacou os dois agressores, causando vários ferimentos em todo o corpo de um deles. O outro conseguiu escapar, mas foi rastreado pela PM na região.

Opinião do blogueiro: Há tempos atrás, quando a discussão sobre a raça pipocou na mídia, eu sempre fui contra o sacrifício do cão. O animal quando é bem tratado, convive muito bem com seus donos. Pitbull é um cão violento, sim, mas é possível domesticá-lo e conviver pacificamente , não só com ele, mas com outras raças perseguidas pela mídia, como o Rotweiller. Presos devem ser aqueles que não tem inteligencia ou responsabilidade para criar um cachorro do porte de um Pitbull e Rotweiller. Essa notícia deveria ser publicada em todos os jornais do Brasil, uma vez que a mídia só publica aquilo que lhe convém. Nós, seres humanos, somos a raça superior, como a ciência diz. Não existe esse papo de que Pitbull não é sociável. É sim, basta responsabilidade e inteligência.

Nenhum comentário :